André Mendonça - Cirurgia Plástica

Fale conosco

Dr. André de Mendonça Costa
Cirurgião Plástico
CRM/AL: 4982 | RQE: 24639
Dr. André de Mendonça Costa
Cirurgião Plástico
CRM/AL: 4982 | RQE: 24639

Dicas

Nesse espaço você confere as notícias sobre o universo da cirurgia plástica e e dos procedimentos estéticos

Antes de lipoaspirar, o que fazer

Antes de lipoaspirar, o que fazer

1) Entender que a lipoaspiração não substitui dieta nem exercício físico. Ou seja: ela não é método de emagrecimento.

2) Avaliar com o cirurgião plástico em qual região do corpo retirar a gordura e quanto de excesso extrair. Ou seja: se há uma proporcionalidade que só o médico poderá estimar.

3) Entender que hidrolipo, minilipo, lipo light são todas, sem exceção, cirurgias plásticas e devem ser realizadas somente com um cirurgião plástico. Desconfie de promessas falsas e métodos revolucionários.

4) Perder o preconceito e sugerir a lipoaspiração para mulheres e também homens.

5) Pensar na possibilidade de aliar a lipoaspiração  a outros métodos, como a viabilidade de utilizar a gordura retirada para “incrementar” outras regiões do corpo por meio da lipoescultura, ou mesmo a realização de outras cirurgias como colocação de prótese de silicone na mama ou redução de abdomen.

6) Visualizar as potencialidades locais para a realização do procedimento, pesquisando os profissionais aptos a realizar a cirurgia, compreendendo que, em Alagoas, há vários médicos especializados na técnica.

7)  Desconfiar de resultados “milagrosos”. Não existem mágicas. Lipoaspiração, hidrolipo, minilipo, lipolight e afins dependem de critérios médicos e de possibilidades que variam de paciente a paciente.

8) Lipoaspirar, sem manutenção posterior do peso, de nada adiantará. O procedimento traz resultados, mas deve ser seguida de atenção em todo pós operatório quanto à manutenção do peso.

Top 5 do silicone

Top 5 do silicone

1) Aviso às candidatas à mamãe: prótese de silicone não a afastará da maternidade. Seios com silicone não “secam”, dão leite e não impedem a amamentação. É claro que o ideal é evitar ter filhos no pós-operatório e gestantes não são candidatas ao procedimento. Mas, grosso modo, nunca o silicone fez ninguém menos mãe.

2) O mercado de próteses evoluiu, e muito, nos últimos anos. Os fabricantes se aperfeiçoaram e investiram em pesquisa e tecnologia, tornando as próteses plenamente confiáveis. Com absoluta certeza, seu médico indicará a prótese segura e específica para sua satisfação e saúde integral.

3) O pós operatório é progressivo. Mas, na maioria dos casos, é possível retomar ao trabalho dentro de alguns dias, dependendo do nível de atividade necessária. O mesmo vale para exercícios físicos. Por isso, feriados prolongados e breves folgas no trabalho e na escola podem representar tempo necessário para a realização da cirurgia.

4) Uma tendência crescente é a de adolescente, jovens ainda, realizando cirurgia de inserção de silicone na mama. Neste caso, orientamos a candidata precoce e também os pais, que sempre as acompanhem neste processo. Cada caso é um caso e o cirurgião poderá fazer este papel de orientador quanto à viabilidade do procedimento.

5) Em geral, as cicatrizes decorrentes da colocação de silicone na mama são quase imperceptíveis. Por isso, aviso: a prótese não impede uso de biquini, e todos na praia, ou na piscina, certamente vão adorar.

Cuidados diários com a pele

Cuidados diários com a pele

A conservação da cútis, sobretudo da face, pode ser mais simples do que se imagina. Cuidados básicos e diários, como a higienização, a hidratação e a proteção solar podem manter o viço e o aspecto jovial por longos anos. Outra boa dica é fazer uma dieta rica em verduras, frutas e fibras e esfoliar a pele uma vez por semana, pois estimula a renovação celular.

A limpeza do rosto deve ser feita duas vezes ao dia, de manhã e à noite, para evitar o acúmulo de resíduos sedimentados e também de oleosidade, prevenindo o surgimento de cravos e espinhas. É sempre recomendável que se use sabonetes específicos para o tipo de pele, seja ela seca, oleosa ou mista.

Já a hidratação é a responsável por manter a pele viçosa, bonita. Os hidratantes para o rosto devem ser diferentes daqueles utilizados no corpo, especiais para cada pele. Além disso, é indispensável beber pelo menos 2 litros de água diariamente.

Por fim, é fundamental o uso de protetor solar todos os dias, independentemente se a exposição for em ambiente externo, como na praia, ou interno, no escritório. A exposição ao sol em excesso pode provocar diversas alterações cutâneas, como o surgimento de manchas e rugas.

A proteção completa só ocorre com produtos com fator de proteção solar (FPS) 30 ou maior. Por isso, nos momentos de lazer, invista em roupas leves, chapéu e óculos escuros.

Nosso WhatsappNosso Whatsapp